Adenomiose uterina

Adenomiose é um distúrbio ginecológico benigno associado a sangramento uterino anormal, cólica menstrual, dor durante relação sexual e infertilidade. É considerada por alguns como endometriose da parede uterina e por outros uma doença distinta da endometriose. Fragmentos do endométrio invadem a parede do útero (miométrio) provocando sangramentos cíclicos dentro da camada muscular do útero. A adenomiose pode ficar confinada a uma pequena parte do miométrio (adenomiose localizada) ou pode ser um processo disperso por toda a camada muscular do útero (adenomiose difusa).

O uso contínuo de anticoncepcionais de forma a suspender a menstruação ou uso de DIU medicado com hormônio são opções válidas para algumas pacientes. Todavia, se a mulher ainda estiver longe da menopausa, já tiver filhos e não desejar ter outros, e não conseguir controlar os sintomas clinicamente, a histerectomia (retirada do útero) é uma alternativa que deve ser considerada.